Antiquário edição #04 – Elis Regina, uma mulher de vanguarda!



Semana passada o Programa Antiquário retirou do baú e apresentou Elis Regina, essa mulher excepcional que talvez seja uma das maiores cantoras que este país já conheceu.

Irreverente, audaciosa de uma potência vocal inigualável. A pimentinha como era conhecida entre os amigos, apelido este que ganhará de ninguém menos, do poeta Vinicius de Morais.

E pimentinha por quê?

Ora, porque Elis era rebelde, jovial, mulher de vanguarda. Viveu numa época em que até mesmo os revolucionários de plantão sentiram um pouquinho de dor de cotovelo, pela grandeza daquela mulher Gaucha dos Pampas Che.

Para se ter uma ideia, com apenas onze anos de idade ela já brilhava num programa de rádio para crianças chamado O Clube do Guri, da Rádio Farroupilha. Aos dezesseis lançou o primeiro LP da carreira evidenciando um talento precoce e único.

Na década de 1960 brilhou nos festivais da TV Record onde conheceu diversos artistas importantes da música popular brasileira, como: Tom Jobim, Edu Lobo, Chico Buarque entre outros. Há uma história interessante desta época, é que Chico apresentou a Elis uma canção sua para ela cantar, e Elis muito da malagueta se irritou com a timidez do rapaz. Pois é,  Elis era assim, uma pimentinha!

Mas porque essa menina encantou tanto?

Uma coisa muito legal na obra de Elis foi à busca em fazer uma música popular brasileira mesmo, resgatando a cultura, nossas raízes, em sua música podemos perceber sons de tambores indígenas e africanos, ou seja, a sonoridade relacionada com nossas origens. Enquanto as letras totalmente comprometidas com a realidade nacional.

Mulher engajada nunca escondeu suas posições políticas, participou de manifestações contra a ditadura a favor da anistia, sempre defendeu a emancipação da mulher na sociedade.

Era uma pimentinha Viramundo que enquanto viveu acreditou em sonhos.

No dia 19 de janeiro de 1982, nos deixou. Mas sua obra, sua vida, suas ideias e suas paixões vão continuar para sempre dentro de nossos corações Té o sol raiar.

OBS: Nesta sexta-feira dia 03/09 a artista retirado do baú será Celly Campello a bonitinha do Rock!


Anúncios

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s